Powered by GOOGLE Tradutor

19 de abr de 2009

A primeira loja física especializada em Harmônica!


Ouça a entrevista exclusiva que Fernando Alves fez aqui para o HARMONICA HOUR, com o Rodrigo Morenno, que fala a sua história com a gaita, nos contando em primeira mão, como será essa loja de gaitas inédita, informa também sobre o novo portal Harmonica Master na internet, aonde efetua vendas de Harmônicas, produtos e acessórios para o mundo todo, como é o dia a dia, e as novidades da primeira “loja física” especializada em Harmônica, que será inaugurada na cidade de Santos, São Paulo, Brasil!

Leve toda a família:

SHOW E PALCO ABERTO PARA CANJAS NA INAUGURAÇÃO!!!

Data: Sábado Dia 25 de Abril de 2009
Horário: a partir das 16 h
Local: Shopping Embaré
Endereço: Av. Epitácio Pessoa 172-loja 40 - Embaré - Santos/SP (atrás da igreja do Embaré) Informações: (13) 3302-0098/ 3011-0112 www.harmonicamaster.com

Vasco Fae: O Homem Banda, Na "Hora da Canja" do HARMONICA HOUR!

Conhecido como homem-banda e também por sua técnica apurada de coordenação motora ao tocar a gaita no suporte simultaneamente com a guitarra - pioneiro no desenvolvimento dessa técnica no país - desde que começou a tocar profissionalmente, Vasco Faé realizou mais de 1.500 apresentações pelo Brasil, e continua na estrada.
Em agosto voltou de uma turnê no Nordeste através do Festival Oi Blues By Night, onde passou por Recife, João Pessoa, Fortaleza e Teresina, comprovando pelo quarto ano consecutivo, que lá tem muitos blueseiros. Em 1993, fundou a “Irmandade do Blues”, banda que gravou o primeiro CD de um quarteto de Blues no Brasil (Veneno), em 1996, pela gravadora Eldorado e que lançou em 2007 o segundo CD "Good Feelings". Idealizou em 1997 o projeto “Blueseiros do Brasil”, que já conta com dois CDs de Jam Sessions gravados em estúdio e produzidos por Vasco. Além da gaita, Vasco também compõe, produz, canta, toca guitarra, bateria e baixo, ainda faz parte da banda “Triangulista”, que toca clássicos da música brasileira. Entre 2003 e 2005 foi integrante como cantor, gaitista e compositor do “Blues Etílicos”, em 2001 acompanhou Kléber Albuquerque. Em 2002 entrou para a banda de Andreas Kisser, a Brasil Rock Stars, dividiu o palco em canjas com Samuel Rosa, Herbert Viana, Nando Reis, Pitty, Frejat, Lobão, Caetano Veloso, Simone, Bocato, entre outros.

Ufa!! Também, pudera...

Vasco Faé comprou sua primeira harmônica em 1987, com 16 anos, totalmente por acaso,
e parece que o "acaso" contribuiu bastante. Com a gaita diatônica, vem conquistando o respeito e atenção de um grande público e gaitistas pelo país afora. Na telinha, vem arrebentando: sua gaita já foi ouvida no Musikaos (Cultura), Todo Seu – Ronnie Von (Gazeta), Bem Brasil (Cultura), Altas Horas (Globo) e Fábio Jr. (Record) e outros. Em 2007, Vasco Faé lançou o CD solo, "Manoblues". Trabalho inédito em CD no Brasil, que contém importante estudo sobre o “Delta Blues”. Parte do CD é resultado de uma pesquisa feita sobre o Blues do Mississippi registrado na década de 20, e outra parte de composições inéditas de Vasco Faé inspiradas no "Delta Blues", estilo ao qual se dedica desde o início dos anos 90. O novo CD conta com participações especialíssimas de Adriano Grineberg, Andreas Kisser, Fábio Azeitona, Ivan Marcio e Theo Werneck.

Na maioria das músicas, Faé toca sozinho: gaita, guitarra ou violão, bumbo e canta, explorando climas, dinâmicas e timbres com muito bom gosto.

A faixa "13" do disco Beatles 68: As Outras Cores do Álbum Branco

Vinte e uma grandes estrelas gravam as outras canções que os Beatles fizeram na fase do lendário “Álbum Branco”, incluindo um primeiro registro em disco de uma canção inédita de George Harrison composta na Índia
...

13) Assum Preto por Vasco Fae


Em 1968, os Beatles lançaram uma canção chamada “The Inner Light” no lado B de um compacto. O tema indiano de George Harrison tinha uma levada totalmente nordestina e, como apareceu também uma foto de John Lennon tocando sanfona, não demorou muito e algum colunista musical sugeriu que os Beatles gravariam Luiz Gonzaga em seu próximo LP. A versão de “Assum Preto” que incluímos como curiosidade neste projeto é auto-explicativa, em termos musicais, mas historicamente aconteceu quase por acaso. Na noite em que estava gravando “Helter Skelter” com a banda de Andreas Kisser no estúdio de Sérgio Reis em São Paulo, num dos intervalos o cantor Vasco Faé (Irmandade do Blues etc) estava na varanda batendo papo com os técnicos e visitantes. Puxou um violão e começou a tocar “Blackbird” mas ao cantar o que ouvimos foi “Assum Preto”. Sem saber muito como aproveitar isso, imediatamente o convoquei para gravar aquilo no estúdio. E assim foi feito, naquela madrugada, com voz e violão e uma gaita em overdub.(
Por Marcelo Fróes, Diretor Artístico & Produtor Executivo)



Vasco ministra uma oficina de afinação e manutenção no, onde aborda temas como limpeza do instrumento, afinação, troca de palhetas, regulagem de palhetas (offset) e algumas dicas importantes que o músico aprendeu com o mestre Ulysses Cazallas.

Contato para shows - Idéia Musical
Roberta Pereira
Phone: 55 - 11 - 3791-3814
E-mail: robertapereirap@uol.com.br
www.ideiamusical.com.br
www.irmandadedoblues.com.br
http://www.myspace.com/vascofae

15 de abr de 2009

Blues À Paulista: Estreia do Documentário em São Paulo • Texto: Guilherme Rubino

Queridos colegas,

Convido a todos para a grande estreia do meu recente filme, Blues À Paulista.
Acontecerá em uma das mais importantes mostras de São Paulo, a Mostra Prêmio ABC 2009, da qual participará filmes de importantes diretores, como Fernando Meirelles, Walter Salles, Zé do Caixão, entre outros (vai ser beeem díficil ganhar deles, mas vale a participação!). O longa concorrerá nas seguintes categorias:
-melhor filme;
-melhor cinematografia (Bobby Cohen);
-melhor montagem (Guilherme Rubino);
-melhor som (Guilherme Rubino).

Será a primeira exibição em público do filme que também está concorrendo em outros festivais Brasil afora.
A programação completa da Mostra pode ser acessada no link:

http://www.cinemateca.gov.br/programacao.php?id=7

Curiosidades...
O documentário Blues à Paulista possui DVD duplo com mais de uma hora de extras, incluindo conteúdo inédito e músicas gravadas exclusivamente pela Igor Prado Blues Band. Além disso, Catharsis do Blues é o nome do CD que acompanha a pesquisa bibliográfica, trazendo, ao todo, mais de 230 músicas. Mais de 200 horas de material à disposição foram adquiridos pela equipe, músicos e/ou apreciadores.

Entrevistados
Gaitistas: Melk Rocha, Ivan Marcio, Vasco Faé e Robson Fernandes
Guitarristas: André Christovam, Edu Gomes, Igor Prado e Nuno Mindelis
Bateristas: Paulo Zinner e Yuri Prado
Pianistas: Adriano Grinemberg e André Youssef
Saxofonista: Denílson Martins
Contra-baixista: Rodrigo Mantovani
Editor da Revista Blues’n Jazz: Helton Ribeiro

Ficha Técnica
Título: Blues À Paulista
Gênero: Documentário
Tempo de Duração: 75 minutos
Ano de Lançamento (Brasil): 2009
Produção: RP Audiovisual
Direção e Roteiro: Guilherme Rubino
Direção de Fotografia: Bobby Cohen
Maquiagem: Thea Cohen
Direção de Produção: Guilherme Rubino
Produção: Adeílson Torres, Carla Figlia, Elis Nunes, Karina Danza e Suelen Ducini
Montagem: Guilherme Rubino
Produção Executiva, Animação e Som Direto: Guilherme Rubino
Arte Gráfica: Yuri Prado

Segue abaixo as informações e, em anexo, o convite.

Data: 18 de abril (sábado)
Horário: 17h00
Local: Cinemateca Brasileira
Endereço: Largo Senador Raul Cardoso, 207
Próximo ao Metrô Vila Mariana
Sala Cinemateca BNDES
Informações: (11) 3512-6111 (Ramal: 215)

ENTRADA FRANCA

Blues à paulista, de Guilherme Rubino
São Paulo, 2008, DV, cor, 75’ | Exibição em DVD
Direção de fotografia: Bobby Cohen, ABC
Montagem: Guilherme Rubino
Som: Guilherme Rubino
O desenvolvimento do blues na cidade de São Paulo ao longo de mais de duas décadas.
Classificação indicativa: 14 anos
sáb 18 17h00


Veja o trailer:



Saiu uma matéria sobre o filme no Portal Anhembi. Acessem:

http://portal.anhembi.br/publique/cgi/cgilua.exe/sys/start.htm?infoid=4312&sid=37

E aguardem, pois terão outras novidades também!

Após a sessão, vamos comemorar a estreia em algum bar próximo! Espero por você, até lá!
Qualquer dúvida, entre em contato!
--
Guilherme Rubino

13 de abr de 2009

Dicas de Cuidados com sua Gaita com: "Paulo Gravata"

Paula Leme e Fernando Alves, entrevistam o Gaitista e Luthier "Paulo Gravata" da Orquestra Paulista de Gaitas, ouça o áudio:

10 de abr de 2009

Otavio Castro e o cromatismo na harmônica diatônica na "Hora da Canja"

Nascido na cidade do Rio de Janeiro em 05/12/1980, filho do compositor Everardo Castro, iniciou-se na harmônica de boca aos 15 anos, entretanto já tinha contato com a música desde os 9 anos tocando percussão. Iniciou seus estudos de harmônica com Rodrigo Eberienos e posteriormente foi aluno do mestre e amigo Maurício Einhorn.

“…alguém que prezo muito e que passou por aqui como aprendiz de harmônica, e que na verdade até me ensinou muita coisa, pasme! De fato, todos aprendemos sempre... Com ele, aprendi sobre entusiasmo, disciplina, respeito, e coisas assim, sem as quais eu não me sentiria gratificado por tê-lo como aluno e amigo que considero. Pois foi assim: Otavio é a renovação através do tempo, meio que genial! Eu diria e digo."
Maurício Einhorn, gaitista.

Considerado por muitos como um dos expoentes no Brasil na técnica que ele mesmo denominou em português como sendo “o cromatismo na harmônica diatônica”, Otavio Castro alcançou um nível técnico que atualmente o possibilita tocar diversos repertórios apenas utilizando uma harmônica diatônica afinada em C (dó) para todas as tonalidades, o que lhe rende anualmente uma série de workshops por todo o Brasil. Nesse sentido, o caminho que o músico vem percorrendo nos últimos anos é o da pesquisa e criação de novos horizontes para a harmônica diatônica, imprimindo o sotaque brasileiro a um instrumento que ainda é visto por alguns como um instrumento restrito ao blues.

“I really enjoyed your music. I think it is very adventurous, and that you are playing very interesting music with its own identity in your own style. This is great to hear. There are only a few diatonic players who are doing this. It takes a knowledge of music, which you have. Congratulations.” Howard Levy, gaitista.

Otavio Castro lecionou inicialmente no Centro Integrado de Música (RJ) por 4 anos, em seguida recebeu convite para lecionar na Musiarte (RJ), onde ficou por mais 2 anos. Em 2000, passou dois meses tocando intensamente em Nova Iorque, fazendo parte de trabalhos com músicos como Mark Whitfield, Deanne Witowisk e Hector Martingnon. Teve oportunidade de participar de shows e gravações com algumas figuras representativas da música brasileira, tais como João Donato, Carlos Lyra, Carlos Malta, Márcio Hallack, César Nascimento e Chiquito Braga. Além disso, teve a experiência de gravar na novela “Cobras & Lagartos”, da Rede Globo, fazendo a gaita de um dos personagens.

“Talento, musicalidade, coragem e humildade; não conheço um grande artista que não possua esses quatro elementos correndo pelas veias. Ao compartilhar o som com Otavio Castro numa jam session, impressionou-me que embora sua pouca idade, ele demonstrasse esses 4 elementos, além de transpor os limites de seu pequeno instrumento. Otavio realiza através de seu sopro certeiro uma música criativa, radical e vertiginosa, seja qual for o estilo, o que faz dele um músico universal... onde quer que ele toque, vai conseguir se comunicar pelo som e levar a platéia a bordo de seus vôos a lugares nunca dantes visitados.” Carlos Malta, saxofonista e flautista

No terreno específico da harmônica de boca, se destacou como atração especial do III Encontro Internacional de Harmônicas, ocorrido em São Paulo em 2003, e no IV Gaita In Concert, ocorrido em Campinas no ano de 2004.

Para saber mais sobre como solicitar workshops e aulas de Harmônica entre em contato pelo telefone: 21 8105 9507 ou pelo e-mail: contato@otaviocastro.com

HARMÔNICA DIATÔNICA: A CROMÁTICA SEM CHAVE

Texto: Rodrigo Eisinger, Gaitista e mestrando em música (UNICAMP)

Conheça detalhes dessa técnica

Otavio Castro tem sido considerado por muitos como um dos precursores no uso da técnica do cromatismo no Brasil, e em particular na utilização de apenas uma harmônica diatônica afinada em C para a execução de repertórios. A escolha por esta forma de execução foi uma surpresa para muito harmonicistas no Brasil, que tiveram conhecimento do seu trabalho no Encontro Internacional de Harmônicas de 2003. Devo confessar que eu mesmo não acreditava nesta possibilidade, tendo em vista o fator de comparação com as escolhas de Howard Levy, que utiliza harmônicas em outras afinações em seus shows e gravações.

Esta nova forma de tocar harmônica diatônica é muitas vezes vista como uma escolha “radical”, e até mesmo equivocada. No entanto, constatamos que ela permite uma utilização plena de recursos no instrumento até então não pensados pelos harmonicistas. Em uma análise mais direta podemos dizer que, o caminho seguido pelo Otavio segue a lógica de uma performance plena em um instrumento cromático, o que para isso necessita de um estudo bem direcionado as características específicas das técnicas combinadas para o cromatismo, sendo assim tal escolha auxilia em aspectos como a precisão na afinação de notas, localização das notas no instrumento, utilização de articulações diferenciadas, equilíbrio na execução de escalas e etc.

"Otavio Castro inaugura uma nova vertente na gaita Brasil. Tocando cromaticamente sua harmônica diatônica, ultrapassa os limites do instrumento, equiparando-a a harmônica cromática com vantagens. Rapidamente dará o que falar aqui e além mar." Flávio Guimarães, gaitista.

Tendo conhecimento do trabalho do Otavio, é possível ouvir um grande controle técnico nestes quesitos, permitindo a execução de temas de grande complexidade, como por exemplo as composições de Hermeto Pascoal. O seu trabalho tem como grande mérito surpreender a audiência com execuções precisas de musicas com alto grau de dificuldade para qualquer instrumento, além de uma invejável capacidade de improvisação. Desta forma o aproveitamento no contexto da improvisação é uma das grandes vantagens, pois é possível trabalhar com as modulações de forma mais direta, fugindo da troca de gaita, adquirindo assim maior capacidade de execução de idéias.

Por isso, esta maneira de pensar a harmônica diatônica redescobre o instrumento como algo novo. Nesse sentido, abre-se um novo enfoque da harmônica diatônica no cenário da música instrumental brasileira. Desenvolve-se também uma maneira diferente de ouvir a gaita, sem possibilidade de comparações com outras abordagens na execução musical, pois o que existe é uma grande diferença de timbre e fraseado, dentro desta nova estética.

“Otavio está comendo a gaita, tocando muito e o mais importante: criando um estilo próprio. A técnica foi criada por Howard Levy e com certeza Otavio bebeu nessa fonte, mas, ele não ficou só nisso, abriu novas frentes, está tocando tudo, com um bom gosto incrível e com um timbre maravilhoso, coisa muito difícil para quem usa essa técnica." Jefferson Gonçalves, gaitista.

Acredito que esta forma de tocar não exclui, nem menospreza nenhuma outra execução da harmônica, sendo uma contribuição maior ao grande universo musical em que vivemos. Otavio Castro, juntamente com harmonicistas como, Howard Levy, Tinus Kornn, entre outros, tem elevado a técnica do instrumento a limites não antes pensados, o que demanda investimento na construção de instrumentos que aumentem ainda mais possibilidades dentro dessa maneira de pensar a e tocar a harmônica. Para saber mais sobre como solicitar workshops e aulas de Harmônica: www.myspace.com/rodrigoeisinger

Joe Marhofer é um verdadeiro apaixonado pelo Blues de Chicago

O que começou com uma brincadeira de vizinhos, se tornou coisa séria. A banda The Headcutters, formada por amigos de infância em Santa Catarina é hoje um dos maiores expoentes do Blues no estado. E foi justamente por se juntar à banda, que Joe Marhofer se encantou com as harmônicas.

Desde cedo, quando descobriu uma gaita que seu irmão tinha em casa, Joe não conseguiu desgrudar do instrumento. “Apenas arranho um violão, mas serve como base para eu cantar e compor”, afirma o gaitista. “Não consigo tocar violão por muito tempo, logo de cara eu largo para tocar gaita”, brinca.

Influenciado nas harmônicas por Sonny Boy Williamson, Little Walter e Big Walter Horton, Joe Marhofer é um verdadeiro apaixonado pelo Blues de Chicago, tanto que sua banda gravou o último trabalho nos mesmo moldes das gravações realizadas nos anos 50, em rolo de fita, captando apenas a ambiência dos instrumentos.

Ativo participante dos festivais locais e organizador de alguns deles, o catarinense fã também de Muddy Waters, Jimmi Rogers está, juntamente com a The Headcutters, com novo trabalho pronto intitulado Back to 50’s, que pode ser conferido na página da banda no myspace em: www.myspace.com/headcutters

9 de abr de 2009

Morre o músico Tavares da Gaita aos 84 anos

É com imensa tristeza que venho dar a notícia do falecimento de Mestre Tavares da Gaita.

Mestre Tavares da Gaita, 84 anos, faleceu hoje as 08:30 da manhã, devido a um AVC seguido de Pneumonia e uma infecção generalizada.

Tavares deixa mais um vazio entre nós, gaitista de uma genialidade impar e um ser humano difícil de encontrar, simples, humilde e de um grande coração.

Que Deus o tenha!!

Mais Notícias: Site JC Online - Morre o músico Tavares da Gaita aos 84 anos

Publicado em 08.04.2009, às 09h34

http://www.somdarua.com.br/artista.php?codArtista=28#


7 de abr de 2009

Ouça o 1º HARMONICA HOUR !

* Listen here the first edition #1 of HARMONICA HOUR: The first program entirely dedicated to Harmonica!
--------------------------------
-----------------------------------------------------------------------------------------------------
* Ouça aqui a primeira edição #1 do HARMONICA HOUR: O primeiro programa inteiramente dedicado a Harmônica!
--------------------------------
-----------------------------------------------------------------------------------------------------
Click no player abaixo, e ouça o 1º HARMONICA HOUR,
que foi ao ar dia 27/03/2009:



*A qualidade deste áudio foi reduzida por causa da armazenagem. A SOLID ROCK RADIO, transmite sua programação "On-line na web via Streaming Live 24hs " com QUALIDADE SUPERIOR !

**Caso não consiga ouvir, entre em contato !



HARMONICA HOUR

Sextas-Feiras Quinzenais as 21:00h (reprise no sábado as 14:00h)


ESTREIOU DIA 27/03/2009 na:

solidrockradio.com.br


PROXIMOS: ABRIL: DIA 24 - MAIO: DIAS 8, 22 - JUNHO: DIAS 5, 19 - JULHO: DIAS 3, 17, 31 - AGOSTO: DIAS 14, 28 - SETEMBRO: DIAS 11, 25 - OUTUBRO: DIAS 9, 23 - NOVEMBRO: DIAS 6, 20 - DEZEMBRO: DIAS 4, 18



GAITA-L 2009 será lançado em Bragança Paulista - SP


O Gaita-l é uma lista de discussão na internet sobre as harmônicas. Em 2001 foi lançado o primeiro CD que reuniu músicas dos integrantes da lista, desde então, a iniciativa vem ganhado cada vez mais adeptos. Trata-se de um CD democrático, aberto a profissionais e amantes do instrumento, no qual os participantes enviam voluntariamente gravações caseiras ou produzidas em estúdio que ao final serão compiladas em um CD. Além das músicas, os integrantes da lista enviarão vídeos que serão postados neste blog. Também, através de votação foi eleito como homenageado desse ano o Mr. CHICO BLUES homenageado. O lançamento do CD Gaita-l 2008 ocorrerá em Bragança Paulista - SP em 11 de Abril de 2009 e todas as informações a respeito deste evento constarão neste blog. A arrecadação financeira tanto do evento assim como da comercialização do CD e periféricos serão revertidos para a promoção desta iniciativa. A organização desta edição do CD Gaita-L 2008 é voluntária, e é composta por: XIXA BLUES. Faça o seu comentário!

6 de abr de 2009

Começamos já no primeiro HARMONICA HOUR,

com a primeira parte da cobertura do 8º Festival da Harmônica que aconteceu neste mês de março de 2009, no SESC Pompéia aqui em são paulo. Apresentamos duas musicas inéditas, do gaitista natural de fortaleza o Dr. Diogo Farias, que alem da gaita, divide seu tempo construindo seus próprios microfones e é medico cirurgião de mão. Diogo Farias é daquelas pessoas determinadas, que sempre acreditam que é possível fazer algo a mais para melhorar o meio em que vivem e a vida daqueles com quem compartilham o mesmo ideal. Disposto a mostrar para as pessoas o potencial da gaita e ao mesmo tempo reunir grandes gaitistas e abrir espaço para novos talentos, criou, juntamente com Roberto Maciel e Luiz Carlos de Carvalho, o Fórum de Harmônicas Brasil, um dos maiores eventos do gênero no país. Insatisfeito com a ergonomia dos microfones disponíveis no mercado e utilizados para a prática do instrumento, criou a sua própria linha. Ciente do potencial que as crianças possuem para aprenderem música, passou a dar aulas em ONGs, como forma de possibilitar que elas tenham boas oportunidades futuras. Este é um pouquinho de Diogo Farias, que começou no mundo da gaita, em 1995, após encantar-se com o som de Flávio Guimarães que, conseqüentemente, o levou a se apaixonar pela expressão e simplicidade do Blues. Em seguida, influências como Little Walter, JJ Milteau e Gary Smith o fizeram ter a certeza de que as harmônicas fariam parte de sua vida, definitivamente. Além de gaitista e músico da banda “De Blues em Quando”, Diogo também é médico especializado em traumato-ortopedia e cirurgião de mãos. Acredita que a principal característica que os gaitistas devem ter é disciplina, respeito, humildade, paciência, perseverança, intuição e muito amor pelo que se faz. “A gaita um canal de expressão. Através dela posso transformar em música o que não posso expressar com palavras. Significa também amizade. A gaita me abriu muitas oportunidades, até mesmo na minha carreira médica”, revela o músico. E para o futuro, Diogo Farias pretende continuar com suas criações e avanços. Além de ampliar o Fórum de Harmônicas Brasil, também está entre os seus objetivos finalizar o primeiro CD de sua banda, continuar aprimorando a sua linha de microfones e buscar sempre contribuir para a evolução técnica da gaita. Quem quiser conhecer mais sobre seu trabalho como gaitista e luthier de microfones anote aí o endereço www.diogofarias.com Diogo Farias diogogaita@hotmail.com (85) 9119 0345 / (85) 3226 2862

Na "Hora da Canja" No primeiro programa HARMONICA HOUR que estreiou dia 27/03/09

Tivemos o prazer de ter conosco um grande gaitista que toca com a Mr. Mojo e a Prado Blues Band, é formado em pedagogia e professor de gaita, em sua ultima viagem á Chicago foi muito elogiado por grandes nomes do Blues! O nome dele é Ivan Marcio! Ivan Marcio apaixonou-se pela gaita aos treze anos e um ano mais tarde, em 1991, ouvindo Elmore James, sua paixão virou amor com o Blues - que se tornou companheiro inseparável deste gaitista paulista. Em 1994, funda com amigos do ABC Paulista a “Blueseiros de Sarja”. Em 1998, passa a fazer parte do “Zoonose” – banda de Hard Blues – conquistando em 1999 o Festival de Música da Praia Grande/SP - mantendo-se até 2003. No período de 1998 a 2001 integra a “Dr. Blues” – tradicional banda do ABC paulista que em 1998 proporcionou o 1º CD de sua carreira. Além de diversas participações em faixas de CDs de artistas e bandas brasileiras e internacionais, Ivan Marcio em 2002 passa a fazer parte da “Mr. Mojo”, lançando o 2º CD da banda. Em 1999 inicia seu trabalho com os Irmãos Prado (Prado Brothers e Swing It! Blues), que em 2000 passa a se chamar “Prado Blues Band”, que se tornaria em 2004 a banda revelação de Blues Nacional e pioneira em um estilo musical chamado de Jump Blues - “A Prado Blues Band é a pós-graduação do Blues brasileiro” diz Nuno Mindelis no Diário do Grande ABC. Lançando seu 2º CD em outubro de 2005, a banda é referência nacional para músicos visitantes, festivais e grandes eventos. Muito solicitado para a promoção de workshops pelo Brasil, formou-se em Pedagogia - o que o auxilia nos cursos de Gaita do Projeto Juventude Cidadã em São Bernardo do Campo, formando mais de 100 alunos por ano. Isso lhe rendeu elogios de Billy Branch no último Festival Internacional de Blues de Santo André, onde o parabenizou por difundir a verdadeira história do Blues – Billy participa de projeto semelhante nos EUA, conhecendo a dificuldade do aprendizado da gaita Blues. Quem quiser conhecer mais sobre ele é possível inclusive em seu site fazer o download gratuito de seu cd demo intitulado “Ivan Marcio Harmônica Show” acesse o site dele: www.ivanmarcio.com

2 de abr de 2009

COMUNICADO DA SOLID ROCK RADIO

Opa galera da SOLID ROCK RADIO!

Devido algumas mudanças para o novo site da SOLID ROCK RADIO, o site atual não está atualizado os programas novos.

Vou deixar aqui o link da minha página no ORKUT pra vocês derem uma olhada nos programas e datas / link :


http://www.orkut.com.br/main#album.aspx?uid=17300727948753803602&aid=1232974070


O novo site era para entrar essa semana no ar, mais devido uma série informações que ainda faltam para se colocar no site e também a parte de atualização dos programas, resolvemos deixar para semana que vem.

O novo site está muito interativo, com muitas informações e muitas novidades, vale a pena aguardar. De um site - virou um portal de informações musicais.

Programas novos : GOOD TIMES / HARMONICA HOUR / e também no site novo terá o " Guia Da Semana " , um editorial semanal de eventos e shows, dentro do site novo.

Breve outras novidades e programas novos.

Quero agradecer aos amigos virtuais e os amigos pessoais, pelo o apoio e carinho pela solid, o apoio de ocês é importante pra gente crescer mais ainda. Participe dando as suas opiniões , criticas e sugestões.

Entre janeiro a março 2009 / chegamos a 11.717 ouvintes no mundo todo e 343 países a cada mês.

Quero agradecer os e-mails dos gringos e do Brasil todo, elogiando a qualidade musical da solid, as raridades e o lado b , a seleção musical é super selecionada a dedo, e vai de 19 a 23 mil sons a cada mês, somente raridades, e não rola sons comerciais de bandas, aqui rola a nata do rock ´n´ roll / blues rock e suas vertentes.

Obrigado a todos!


Johnny Adriani

Direção geral da SOLID ROCK RADIO & direção musical aqui vc ouvirá as raridades de verdade e sem frescuras 24hs direto de puro som.